A FORMAÇÃO DO PROFISSIONAL EM PSICOPEDAGOGIA DEVE SER?

ATENÇÃO - NOVO SITE EM BREVE

ATENÇÃO - NOVO SITE EM BREVE

CONHEÇA

FUNDAMENTOS DO SINDICATO DOS PSICOPEDAGOGOS



Fundado em 2015 o Sindicato dos psicopedagogos do Brasil é uma instituição de representação da classe dos Psicopedagogos que segue os seguintes princípios:

Fundamento Principal
A base principal que fundamenta esta entidade é seu caráter POPULAR de luta pela valorização do profissional PSICOPEDAGOGO.
Entende-se como popular o estado democrático de direito e deveres da sociedade Brasileira.
Para o Sindicato dos psicopedagogos somos uma única categoria. Não divergência de títulos. Só existe o Psicopedagogo.
Desta forma esta instituição fundamenta-se que somos iguais. E como iguais temos os mesmos direitos e deveres.
Dentro desta entidade não há títulos vitalícios. Votação de seus membros é democrática. Não há qualquer diferenciação entre cursos clínicos, institucionais ou quaisquer outros.
Popular também entendemos como acessível. Tanto para o psicopedagogo, quanto para a sociedade brasileira.
Popular entendemos como conhecido. Acreditamos que a psicopedagogia é uma área do conhecimento digna de ser ciência e profissão. Merecedora do respeito acadêmico e social. Imprescindível para a saúde mental do Brasil assim como essencial para a formação educacional dos estudantes do nosso país.
Sendo assim nos consideramos POPULARES. Uma entidade de caráter social, de luta e de preservação dos direitos sociais e de interesse dos psicopedagogos Brasileiros. 

Base Territorial de atuação:
O sindicato é de âmbito nacional ele tem atuação em todos os estados e municípios brasileiros

A quem ele representa
Todos os Psicopedagogos Brasileiro

Quem pode se filiar a esta instituição
Os psicopedagogos que possuírem certificação conforme as regras estabelecidas em assembleia de 2015 e retificada em 2018.
Como são classificados sua diretoria:
DME – Diretor de mobilização que representa o Estado
DMD- Diretor de mobilização que representa mais de um munícipio
DMM- Diretor de mobilização que representa a capital do Estado ou um munícipio.

O que é a Hierarquia Sindical?
É a sequência de cargos e a forma como eles estão relacionados na tomada de decisões e prestações de contas.
DIRETORIA NACIONAL – DME – DMD - DMM
A diretoria nacional é formada por seis cargos, cada um com uma competência, mas cabe a ela delegar sobre as competências dos outros cargos, assim como fiscalizar suas ações, metas e resultados. Na sequência temos os DME , diretores que lideram suas equipe em seus Estados, assim formam uma equipe com os DMD e DMM. Entre DMM e DMD não temos hierarquias de posições, pois os dois cargos possuem as mesmas competências, o que difere é o território de atuação. Dentro da hierarquia sindical o respeito pelos cargos é muito importante.
Desta forma pode DME não pode tomar decisões sem o conhecimento da diretoria nacional assim como um DMD ou um DMM não pode tomar decisões sem o conhecimento do DME. A única exceção é quando o DMM ou DMD não tiver um DME em seu Estado assim ele terá que se dirigir diretamente a diretoria nacional.
A hierarquia é importante para manter estabilidade do grupo. Nosso trabalho sindical não é isolado, nem individual, mas sim em grupo , de forma coletiva. Nenhum diretor estar sozinho. Ele precisa agir de forma articulada suas metas e ações. 

Função da Diretoria.
Cada diretor do Sindicato dos Psicopedagogos é um agente de luta pela psicopedagogia e tem uma função específica que deve ser bem representada.
Vejamos:
Diretoria Nacional:
Presidente - Pp Jossandra Costa Barbosa (Piauí)
Diretora de Projetos Sociais - Pp Michelle Oliveira ( Bahia)
Diretora Administrativo Financeira - Pp Joseane Silva (Piauí)
Diretora de Cultura, Esporte e Lazer- Pp Ana Paula Oliveira( São Paulo)
Secretaria -Pp Talita Eli (Piauí)
Diretora de Imprensa e Comunicação - Pp Alexsandra Gomes( Pernambuco)
Suas funções estão estruturadas no Estatuto da entidade. Basicamente ela é responsável pelo funcionamento geral da Instituição assim como é sua função zelar pelo cumprimento do papel sindical, articular ações nacionais, trabalhar em prol dos filiados, prestar contas de suas atividades e dirigir os demais diretores.
Para saber mais sobre cada cargo acesse em nosso site o Estatuto do Sindicato dos Psicopedagogos.
Diretoria Estadual.
Liderar DMM e DMD de seu Estado.

Diretores DME, DMM e DMD possuem dentro do seu território de atuação as seguintes atribuições:
Mobilização da categoria;

Direção de grupos de estudo;

· Coordenação das ações do sindicato a nível estadual (DME) ou distrital (DMD), ou municipal (DMM)

· Divulgar as ações, iniciativas e eventos do sindicato em todos os tipos de meios de comunicação e locais possíveis;

· Realizar reuniões de mobilização e divulgação com os psicopedagogos de sua região;

· Realizar reunião de articulação política com os DMM e DMD de seu Estado (especifica para o DME);

· Fazer relatórios mensais sobre as atividades dos seus DMM e DMD (Exclusiva dos DME)
· Dar assistências a seus filiados em seu Estado, Distrito ou Municipios;
· Realizar projetos de natureza psicopedagógica com cunho social e benéfico para a sociedade;

· Prestar contas de eventos e reuniões;

· Filiar profissionais ao sindicato;

· Orientar os filiados e não filiados os aspectos legais, metodológicos e práticos da profissão;

· Lutar pela valorização da profissão;

· Buscar convênios e parcerias a fim de beneficiar os filiados;

· Organizar eventos como palestras, simpósios e congressos a fim de capacitar, informar e orientar os psicopedagogos filiados e não filiados;

· Prestar assessoria a empresas e órgãos a fim de orientar a respeito de carreira, pretensão salarial e aspectos legais da contratação do psicopedagogo, carreira, nível ou concurso público.

· Ser um elo entre o psicopedagogo de sua região e a diretoria nacional;

· Informar problemas ou reclamações dos psicopedagogos filiados ou não filiados referente às questões trabalhistas;

· Relatar o desempenho de suas funções à diretoria nacional;

· Procurar a acessória jurídica do sindicato quando houver pedidos de impugnação de concursos, problemas de ralações trabalhista tais como: assédio moral, ilegalidade de contrato, abuso de autoridade, salário incompatível, negação de direitos trabalhistas, greves, e outros acontecimentos ou denúncias feitos pelos trabalhadores em psicopedagogia;

· Selecionar até dois psicopedagogos para os cargos de auxiliar de mobilização sindical (Exclusivo para DMD e DME)

· Prestar contas de repasses sindicais a sua subsecretária sindical;

· Participar de Reuniões, congressos, simpósios ou seminários quando solicitado pela Diretoria nacional presencial ou virtualmente;

· Votar e Ser Eleito para os cargos de diretoria nacional ou subsecretaria;

· Reunir-se e articular-se com seus respectivos diretores de mobilização municipal;

· Lutar pela valorização da carreira do psicopedagogo;

· Trabalhar para que o Sindpsicopp-Br seja reconhecido, valorizado e respeitado dentro do Brasil.

· Preservar pelo bom funcionamento, da moralidade e legalidade desta instituição sindical.

· Visitar locais de trabalho quando solicitado em caso de denuncia;

· Representar o sindicato em dissídios coletivo acordos salariais;

·  Organizar e Dirigir Greves da categoria;

· Representar o sindicato nos setores de recursos humanos ou financeiro de empresas para cadastro dos profissionais filiados para desconto sindical em contra-cheque; e contratar serviços e Funcionários (Exclusivos do DME).


Remuneração
Todos os diretores do Sindicatos dos Psicopedagogos realizam um trabalho voluntário. Importante dizer que o Estatuto da entidade prevê a contratação de funcionários mas não prevê remuneração de nenhum diretor , até mesmo da diretoria nacional.
Quais gastos da diretoria seja ela qual for é um ato deliberativo que deve ser colocado em reunião para votação. Desta forma todo e qualquer orçamento seja de confecção de material, camisetas, panfletos, compra de passagens, ou quaisquer outros gastos deve ser orçado junto a diretoria nacional que coloca em votação e assim decide a liberação de verbas para projetos, eventos, ações e demais atividades sindicais.

Regulamentos
A diretoria nacional, todos os filiados e todos os Diretores obedecem o Estatuto de forma igual. Entretanto os Diretores DMM, DMD e DME possuem um regimento de subsecretaria para guiarem o seu trabalho. Documento este elaborado pela diretoria nacional e revisado a cada triênio.

Mandado Sindical
Todos os mandatos são igualmente dentro do sindicato. A diretoria nacional tem mandato de três anos, está por sua vez nomeia seus demais diretores DME, DMM e DMD. Estes diretores têm mandatos iguais a diretoria nacional. Findada renova-se ou reelege os diretores para seus devidos cargos.
Entretanto a exoneração pode ser realizada a cada seis meses ou em caráter de urgência e emergência.
O Diretor pode solicitar sua exoneração ou a diretoria nacional o pode fazê-la.
Os motivos de exoneração podem ser pessoais quando decorrem do próprio diretor, improbidade administrativa do cargo, descumprimento de metas, mal-uso do cargo, inatividade do caro quando feita pela diretoria nacional.

Planos de Metas
Todos os diretores, inclusive a diretoria nacional, deve traçar um plano de trabalho para seu mandato.
Este plano de meta deve ser anual e deve ser enviado relatórios semestrais para análise dos resultados.

Ações Sindicais
O trabalho do sindicato dos psicopedagogos tem dois direcionamentos:
·        Trabalho interno da Sede Matriz (Filiação, Confecção de Carteiras, Documentação Sindical, Apoio Jurídico ao Filiado, dentre outras ações)
·        Trabalho Externo:
EXPANSÃO DA PROFISSÃO
1.     Divulgação da psicopedagogia como profissão
2.     Luta pela ampliação do mercado de trabalho
3.     Qualificação profissional do filiado e não filiado
MELHORIA DA PROFISSÃO
1.     Regulação e orientação acerca da qualidade das formações e atuações de psicopedagogia no mercado de trabalho
2.     Fiscalização de concursos, empresas e entidades que contratam psicopedagogos a fim de garantir os direitos salariais da categoria;
3.     Firmar parcerias com entidades que qualifique o profissional psicopedagogo.
4.     Desenvolver pesquisas que tragam benefício a categoria
5.     Elaborar material acadêmico como jornais, revistas. Vídeos e sites;
BEM ESTAR DA CATEGORIA
6.     Desenvolver ações que tragam bem-estar físico, saúde e mental para o filiado tais como manter convênios com clubes, planos de saúde e outras entidades; desenvolver projetos culturais, artísticos e acadêmicos;

Pertencer ao Sindicato dos psicopedagogos do Brasil é acima de tudo pertencer a uma unidade profissional. A psicopedagogia está acima dos interesses individuais. Acima da Arrogância, do exibicionismo ou até mesmo do interesse econômico. Ser um diretor sindical nos enche de alegria, significado e esperança de contribuirmos com o crescimento e fortalecimento da PSICOPEDAGOGIA como um TODO.


http://www.sindpsicoppbr.com.br/p/filiacao-e-renovacoes-2019.html



http://www.congressodepsicopedagogia.com.br/

0 comentários:

Postar um comentário