A FORMAÇÃO DO PROFISSIONAL EM PSICOPEDAGOGIA DEVE SER?

CONHEÇA

domingo, 2 de outubro de 2016

O Fim da Psicopedagogia Clínica e Institucional.


Pensando em sua Carreira Profissional

O fim da psicopedagogia clínica e institucional. Ao ler o tema desta postagem você deve ter ficado pensando: como assim é o fim da Psicopedagogia?????????

A psicopedagogia é uma área em ascensão. Com um campo de trabalho extenso e com uma reserva de mercado que só cresce no Brasil. Entretanto alguns aspectos deverão mudar em alguns anos. 
A tendência do mercado de trabalho é exigir um profissional da psicopedagogia cada vez mais capacitado o que atualmente não tem acontecido. Principalmente devido ao esfacelamento e desfragmentação dos cursos que formam o psicopedagogo.

Atualmente para se formar em psicopedagogia basta ter uma graduação em qualquer área e fazer uma especialização com no minimo 360 horas. 

A psicopedagogia aos poucos esta deixando de ser uma complementação da sua formação inicial e a tendência é que ela deixe completamente de ser. Os cursos de Graduação em Psicopedagogia já são uma realidade no Brasil e universidades públicas já oferecem o bacharelado em três anos. Mostrando que este é o caminho certo a seguir para formar um profissional realmente capacitado para o mercado de trabalho.

O sindicato dos psicopedagogos é contra os cursos vendidos de forma dividido entre clínica e institucional. E defende a unificação dos cursos de Pós Graduação em único curso com 600 horas e que a nomenclatura do curso contenha apenas a palavra PSICOPEDAGOGIA  e não mais clinica e institucional.

E importante que o psicopedagogo compreenda que Clínica, Empresas,Escolas, Hospitais e outros lugares são ambientes de trabalho e não tipos de Psicopedagogia. Pois ela é indivisível e os aspectos clínicos estão vinculados aos institucionais.

Durante a formação do psicopedagogo é importante que ele tenha em sua grade curricular tanto disciplinas como diagnóstico clinico, intervenções ,deficit de aprendizagem como discussões acerca do fracasso escolar, educação especial, dos grupos operativos de trabalho, da inclusão do aprendente na rede hospitalar, nos aspectos de saúde, de prevenção, coorporativismo dentre outros. Desta forma este profissional terá mais chance no mercado de trabalho.

A regulamentação da profissão PSICOPEDAGOGO também exige uma formação mais condizente com um currículo unificado e garanta a sociedade a qualidade deste profissional ligado a educação e a saúde.

O sindicato hoje solicita que os profissionais da psicopedagogia compreendam a importância da Criação de Uma Identidade Profissional entre os psicopedagogos para isso orientamos que cada profissional:

  • Retire dos seus cartão, carimbo, currículos, site, rede sociais e outros locais a palavra Clinica e Institucional deixando apenas a palavra PSICOPEDAGOGO OU PSICOPEDAGOGA;
  • destaque a palavra psicopedagogo no carimbo , colocando-o em primeiro lugar antes das outras formações;
  • Aos que ainda estudarem solicite que seu certificado contenha a nomeclatura: Especialista em Psicopedagogia (independente da sua carga horária)
  • Denuncie concursos que exigem certificados com nomenclatura com clinica ou institucional. Precisa-se compreender que independente do local o cargo é para Psicopedagogo e que a Psicopedagogia é uma só por isso todos têm direito de concorrer a vaga.
  • Aos graduados que querem fazer psicopedagogia que não façam cursos separados em clínica, institucional ou hospitalar. procure fazer o curso mais completo que encontrar no mercado educacional e com preferência com Estágios. 
  • Os cursos que já estão em andamento procure junto a coordenação do curso a possibilidade do seu certificado sair com a nomenclatura somente ESPECIALISTA EM PSICOPEDAGOGIA.
PRECISAMOS NOS UNIR PARA CONSTRUIR UMA IDENTIDADE PROFISSIONAL.

SOBRE ESTE ASSUNTO ASSISTA A PALESTRA :
Novas Perspectivas da Psicopedagogia No Brasil
Com nossa presidente Jossandra Barbosa.





27 comentários:

  1. Como assim? Estou terminando a pós graduação em psicopedagogia com Ênfase em educação especial e fiquei desesperada com esta matéria. Afinal a gente paga com tanto sacrifício o curso e agora praticamente ele ficará sem sentido?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A material traz uma reflexão. Seu certificado terá validade. Infelizmente a realidade em torno da comercialização dos cursos de psicopedagogia é algo sério e grave que traz aos profissionais muito prejuizo.

      Excluir
  2. O mercado educacional apenas enfeita o nome dos cursos de psicopedagogia para que fiquem mais atrativos e vendáveis. Não existe enfase em educação especial. Pq o psicopedagogo não é um profissional somente para a educação especial. O psicopedagogo é um Terapeuta da Aprendizagem que lida com pessoas com transtornos de aprendizagem ou não, e que dentro deste público pode ou não ser o público da Educação Especial entretanto a profissão é Psicopedagogia. O trabalho do psicopedagogo foi completamente prejudicado com estas divisões. Porque não são somente as nomenclaturas mas o currículo também. As faculdades dividem o curso de psicopedagogia em vários pedaços para vender cada vez mais. O que na verdade é um curso só. Quem faz só clinica já é psicopedagogo, quem faz só institucional já é psicopedagogo, quem faz um só com a nomenclatura psicopedagogia já e psicopedagogo. Legalmente todos têm os mesmos direitos. O que difere é a qualidade da sua formação que ficou fragamentada e não capacitou o profissional para atuar nos diferentes ambientes de trabalho a qual ele tem direito.Seu curso terá validade legal mas focará somente no âmbito educacional tirando o verdadeiro foco da psicopedagogia que é o método clinico preventivo e terapêutico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como a colega Rita, eu faço uma pós de psicopedagogia com ênfase em Educação Especial, porém não há matérias como diagnóstico clinico, intervenções e deficit de aprendizagem. Neste caso, estou defasada, pois não terei como diagnosticar certo? Apesar dos atendentes da pós me alegarem que terei pleno poder de exercer a profissão.

      Excluir
    2. Em relação aos plenos poderes de atuar é verdade, mesmo sem ter em sua grade as disciplinas mais importante do curso. Legalmente você é psicopedagoga. Contudo é exatamente isto que a matéria traz como reflexão a comercialização de cursos que em sua grade não contemplam os conteúdos essenciais a prática profissional e as nomenclaturas que nada agregam ao profissional psicopedagogo.

      Excluir
  3. Bem,acho que a expectativa é bem grande em relação a formação profissional e do seu reconhecimento no mercardo de trabalho. Como tudo ainda está em elaboração e regulamentação, fica a espera.

    ResponderExcluir
  4. Bem,acho que a expectativa é bem grande em relação a formação profissional e do seu reconhecimento no mercardo de trabalho. Como tudo ainda está em elaboração e regulamentação, fica a espera.

    ResponderExcluir
  5. Tenho procurado por cursos de psicopedagogia na região onde moro e percebo essa dificuldade em encontrar um curso completo que abrange todos os conteúdos. Tenho observado que a nomenclatura é a mesma, porém, possuem conteúdos completamente diferentes. Quais seriam os conteúdos de melhor base para que eu possa ingressar com confiança na minha pós em psicopedagogia? Sou do Rio de Janeiro e gostaria de saber qual a faculdade de referência nessa especialidade. Desde já Obg!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esperamos que você tenha encontrado um curso com boa grade e qualidade. Contudo a dica que deixamos para todos que desejam seguir a psicopedagogia busquem cursos com exigências de estágios e que não tragam separação nem em clinica e nem institucional.

      Excluir
  6. Na Estácio tem Psicopedagogia de 600 horas ead.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É VALÉRIA DEPOIS QUE CONHECI ESSE CURSO NÃO INDICO, SERIA MELHOR FAZER SE JÁ ESTIVER ATUANDO EM ALGUMA ÁREA, E QUE O CURSO SEJA EXIGIDO.

      Excluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. sinceramente estou muito descontente com o conhecimento que só agora tenho arespeito dessas subdivisões, já estou prestes a terminar meu curso cuja nomenclatura trás consigo Psicopedagogia Institucional. Não sei o que fazer me empenho muitpo nas leituras e fui além do que fora proposto nos estudos, mas a carga horária 450h, estou em dúvidas quanto a aceitação no mercado de trabalho!

    ResponderExcluir
  9. "Quem faz só clinica já é psicopedagogo, quem faz só institucional já é psicopedagogo." Concordo plenamente com o citado, porém, há diferenças na grade curricular, tanto em disciplinas quanto em horas. Estou no fim da minha pós Institucional e Clínica com carga horária de 600h. Fiz módulos Institucional, Empresarial, Hospitalar e Clínico. Durante o meu estágio, em uma clínica especializada em PC, professora regente pensou que eu faria lá, também, o estágio Institucional e disse: Só posso assinar para você o institucional, pois a minha pós é somente Institucional, já o clínico é com a outra colega da outra sala. Portanto, há diferenças sim!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juridicamente não. na postagem não estamos abordando aspectos pedagogicos como grade e conteúdo que sim cada divisão traz (infelizmente) assuntos que são de extrema importância para o profissional que vai atuar mas este profissional dependendo do curso que vai fazer ver separadamente estes conteúdos.
      Na postagem trazemos a reflexão juridica que não há diferença entre quem faz qual dos cursos que seja. Defendemos que os cursos sejam unificados. Parabéns por seu curso ter sido bem completo infelizmente não é a realidade da maioria dos cursos. Obrigado por sua contribuição.

      Excluir
  10. Iniciei meus estudos em 2008 e quando me deparei com estas condições não regulamentadas desisti do curso. Pelo que vejo continua na mesma. Uma pena, pois estamos precisando muito destes profissionais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a luta pela regulamentação realmente vem se arrastando a décadas. Mas o crescimento da quantidade de profissionais e das vagas do mercado de trabalho nos últimos cinco anos foi absurdamente grande. é uma área em crescimento, hoje há concursos, muitas clínicas, profissionais em diferentes ambientes de trabalho. Obrigado por sua contribuição em nosso site.

      Excluir
  11. Antonio Narcizo Souto
    Prezada Jossandra, entendi e concordo com a denominação "PSICOPEDAGOGO OU PSICOPEDAGOGIA' a pergunta é eu iniciei meu curso na área institucional la não tem chinica,ao solicitar somente a especificação acima e a instituição não quiser reconhecer o que faço? Qual medida tomar, o meu curso é de 450 horas.Continuo acompanhando e apoiando todas as decisões referente a nossa formação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A faculdade pode sim colocar em seu certificado somente a palavra psicopedagogia é apenas uma questão de vontade. Infelizmente a comercialização dos cursos é uma realidade no Brasil e o aluno perde devido a falta de informação.

      Excluir
  12. como eu faço para me cadastrar no sindicato ? sou de minas gerais será que é unico ? ou tenho que procurar no meu estado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. lINK DE CADASTRO PARA FILIAÇÃO http://www.sindpsicoppbr.com.br/p/filie-se.html

      Excluir
  13. Gostaria que me esclarecesse por favor,sou graduada em pedagogiae fuz pód graduação em psicopedagogia institucional e clinica com a carga horária teconhecida pelo mec que 360horas,porém o certificado evde 390horas,então não posso exercer a profissão?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, legalmente pode, porque toda pós graduação a partir de 360 h é legalmente aceita contudo a postagem é bem clara somente antes de ser aprovado a lei que regulamenta a profissão pois após sua aprovação o mínimo será cursos a partir de 4480h.

      Excluir
    2. 4480 horas? quantos anos demoraria?

      Excluir
  14. Gostaria que me esclarecesse por favor,sou graduada em pedagogiae fuz pód graduação em psicopedagogia institucional e clinica com a carga horária teconhecida pelo mec que 360horas,porém o certificado evde 390horas,então não posso exercer a profissão?

    ResponderExcluir
  15. Gostaria que me esclarecesse por favor,sou graduada em pedagogiae fuz pód graduação em psicopedagogia institucional e clinica com a carga horária teconhecida pelo mec que 360horas,porém o certificado evde 390horas,então não posso exercer a profissão?

    ResponderExcluir